em breve... RÉU DA RUA pra refletir sobre os direitos e proteção integral da criança e do adolescente

por - 29 janeiro


O RÉU DA RUA
O filho da viúva com identidade dupla
Deixou de ser criado pra ser chamado de filho da luta
Uma luta a todo custo, pela justiça que não degluta
Coro que atiça a minha conduta
Tribunal da rua com sentença absoluta
O filho da viúva não procedeu
A menina flor não reconheceu
Olhou, sentiu mas não percebeu seu condenador
Pobre menina flor
Aquele bando medieval, naquela tarde cinzenta, numa gritaria e festival de uma marcha sangrenta
Mãos vermelhas da justiça; pés pescados do alvo cravado...
Novos condenados...
O réu da rua virou berro na boca da favela
O céu, virou inferno na esquina da viela
Menino que abusou da lua
Realidade nua e crua
Não podia ser pior
O menino lobo e seu senso menor
Tiago Ortaet®
07/12/2017

VEJA TAMBÉM

0 comentários