Determinação das bailarinas do EducaDança marca seletiva do Teatro Bolshoi

por - 21 setembro

Foto: Rodrigo Marcelo - PMG/Secel
Não foi dessa vez que alunas do Projeto EducaDança emplacaram uma vaga na pré-seleção da Escola de Teatro Bolshoi, que aconteceu nesta quarta-feira (19) no Anhembi. Ainda assim, o clima de alegria e determinação que contagiou as pequenas bailarinas deixou em cada uma delas a certeza de que foi muito importante participar. 
Durante a pré-seletiva, as bailarinas guarulhenses, com idades entre 6 e 11 anos, passaram por exercícios que objetivaram analisar o potencial a ser desenvolvido no método aplicado pela escola. A Escola do Teatro Bolshoi no Brasil funciona desde o ano 2000, na cidade catarinense de Joinville. É a única filial da famosa companhia russa. Ela proporciona a formação de artistas da dança, ensinando a técnica de balé segundo a metodologia Vaganova, dança contemporânea e disciplinas complementares.
Leticia de Almeida Pina, de 6 anos, estuda balé há três anos, incentivada por sua mãe. Como as demais colegas, ela também estava encantada em participar da seleção, algo novo e desafiador para ela: “Eu não conhecia essa escola, mas achei muito legal participar, vou me esforçar mais para participar de novo, gostei muito”, vibra a bailarina.
A administradora Sandra Amorim, mãe da bailarina Sofia Amorim, de 8 anos, se sente honrada por ter ajudado o grupo a participar da seletiva: “Foi gratificante estar lá junto a elas, ver seus olhos brilhar de alegria, sorrisos a todo instante, todas em estado de muito felicidade”. Para Sandra, essa experiência ficará marcada para sempre na trajetória profissional das meninas, algo que elas jamais se esquecerão.
Gislaine Aparecida da Silva, mãe da Maria Eduarda da Silva Bernardo, de 9 anos, confessa que está bastante surpresa com o desempenho das bailarinas nas aulas do Projeto EducaDança: “O Projeto vem incentivando as crianças a praticar uma atividade física, além de fazer com que elas se tornem mais seguras e confiantes, ajudando também nos estudos”. Para a pequena Maria Eduarda, o balé se tornou uma parte muito prazerosa de sua rotina: “Agora eu não fico só assistindo TV, tenho outras coisas legais para fazer”, brinca a menina, enquanto conta que, no ano que vem, pretende participar da seletiva novamente, até conseguir. 
Se depender da animação do grupo guarulhense, no ano que vem, quando a Escola do Teatro Bolshoi no Brasil abrirá novas oportunidades para conceder 100% de bolsas de estudo e benefícios para alunos vindos de diferentes estados brasileiros, a participação do Projeto EducaDança está garantida. 
Projeto EducaDança
O Projeto EducaDança é uma iniciativa da Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer. As aulas acontecem no Adamastor Centro e são ministradas pelas professoras especialistas Bruna Mascarenhas de Rezende Stern, Fabiana Mazucante Serra Pinto e Flávia Maria Bicudo Medeiros Planas.
Juntas, elas elaboraram uma metodologia para o desenvolvimento do ballet clássico para crianças que ainda não tiveram a oportunidade de vivenciar a arte. Nesse sentido, a disciplina, técnica e didática são prioridades, mas sem deixar de lado o conceito de que a prática da dança é uma atividade prazerosa e que eleva a autoestima.
O Projeto atende modalidades que vão desde o Baby Class (5 e 6 anos), o Pré-ballet (7 a 9 anos) até o 9º ano. Crianças com 10 anos ou mais também podem participar, desde que tenham experiência anterior em ballet clássico.
Por Carla Maio
Publicado em 20/09/2018, às 12:43
Editado em 20/09/2018, às 12:48

VEJA TAMBÉM

0 comentários