Semana do Conhecimento 2018 começa no Adamastor Centro

por - 16 outubro

Com o tema ‘A Ciência para a Redução das Desigualdades’, a Semana do Conhecimento 2018 teve início nesta segunda-feira, dia 16, no Adamastor Centro. Até a próxima sexta-feira, dia 19, o local abrigará uma série de atividades relacionadas à ciência, tecnologia, inovação e ao empreendedorismo, com o objetivo de fomentar o desenvolvimento de um ecossistema científico e de inovação na cidade.
Durante a cerimônia de abertura, em sintonia com o tema da semana, a banda Música do Silêncio interpretou sucessos musicais e emocionou o público formado por lideranças acadêmicas, empreendedores, professores, pesquisadores, estudantes, representantes de instituições de ensino, associações e entidades de classe. O conjunto é formado por crianças, jovens e adultos com paralisia cerebral, autismo, deficiência visual e auditiva.
O secretário de Desenvolvimento Científico, Econômico, Tecnológico e de Inovação (SDCETI), Rodrigo Barros, lembrou de como a ciência pode reduzir as desigualdades sociais. "Estar na gestão pública me fez entender que a sociedade vai muito além daquela bolha individualista que vivemos no nosso dia a dia, me provocando e me dando a oportunidade de olhar para o todo e pensar, diariamente, em como diminuir as desigualdades. A Semana do Conhecimento traz justamente isso por meio da ciência. A possibilidade de termos uma sociedade mais humana, justa e menos desigual”, enfatizou Barros.
O secretário de Gestão, Adam Cubo, chamou atenção para a importância do destaque da educação como base para o desenvolvimento do município. “O trabalho da SDCETI na Semana do Conhecimento é fantástico porque promove o conhecimento e a inovação para os estudantes das escolas particulares e públicas. Essa integração é fundamental para Guarulhos crescer tendo a educação em primeiro lugar e como uma política pública de desenvolvimento do futuro”, asseverou.
“Na Semana conseguimos reunir todas as faixas etárias que podem contribuir com criatividade e conhecimento para o município. Isso gera um resultado positivo e, a cada ano, motiva que mais pessoas participem com projetos e trabalhos”, afirmou o gerente do Sebrae Guarulhos, Marcelo Paranzini. 
Feiras e exposições para todas as idades
O evento conta com quatro principais atividades. A Expo Criatividade expõe trabalhos de alunos do Ensino Infantil e Fundamental I; A Feceg contempla projetos de estudantes dos níveis Fundamental ll, Médio e Técnico; A Semcitec é uma mostra de divulgação científica, voltada ao público universitário; e a Mostra de Economia Criativa abrange atividades empreendedoras e inovadoras para o desenvolvimento econômico sustentável.  
Imagens: Nícollas Ornelas/PMG 

VEJA TAMBÉM

0 comentários