PALESTRA SOBRE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA NA E.E.TOMIE OHTAKE

por - 12 março


Refletir sobre o crescente número de violência doméstica no Brasil é uma urgente e necessária ação com toda a sociedade, principalmente com jovens, que podem ser agentes transformadores no presente e no futuro. Pensando nisso os educadores Tiago Ortaet e Tatiana Silva Borges de Oliveira promoveram palestras educativas na escola estadual Tomie Ohtake.

Uma breve introdução sobre a importância de todos conhecerem e exercerem a declaração universal dos direitos humanos foi abordada pelo professor Tiago.


Os adolescentes também foram bastante atentos e participativos na explanação da professora Tatiana que é especialista em educação inclusiva e militante da causa feminista na constante luta por direitos e igualdade. 

Os diálogos foram realizados em torno de temas bastante fortes como o empoderamento feminino, relacionamentos abusivos e a violência doméstica em suas mais diversas formas como violência sexual, moral, patrimonial, etc.

A professora Tatiana emocionou a plateia de jovens relatando a violência que ela sofreu num antigo relacionamento. 


A coordenadora pedagógica Beatriz Amaral e a diretora da escola, senhora Edna Antunes acompanharam as atividades que ainda contou com a exibição de um cordel/repente sobre a lei Maria da Penha.



Ao final do encontro vários estudantes procuraram os educadores para contarem suas experiências em família, sobre casos que vivenciaram; alguns emocionados, foram acolhidos pela equipe.
“É através de educação em direitos humanos que formaremos uma geração mais consciente de seus direitos” destacaram os educadores.


Um café especial foi gentilmente oferecido pela equipe gestora da escola que tem em sua conduta administrativa/pedagógica uma educação contemporânea e libertária que vai muito além dos muros do espaço escolar, compreendendo o lastro cumnitário em suas ações. 




Todo cidadão pode e deve denunciar anonimamente casos de violência doméstica; basta ligar 180. 


VEJA TAMBÉM

0 comentários