10 CURIOSIDADES SOBRE O CHAVES QUE QUASE NINGUÉM SABE

por - 21 junho

1. Ninguém sabe qual é o nome do “Chaves”. Em espanhol, ele é chamado de “Chavo”, que é uma gíria para “menino” no México.

2. O nome do programa se chama “Chavo del 8” porque passava no canal 8. Depois o programa mudou para o canal Televisa. Para não perder o nome, inventaram que o Chaves morava na casa número 8.

3. Tangamandápio, a cidade do Jaiminho, existe de verdade. É uma cidadezinha do México.

4. “Nhonho” é uma gíria que significa algo como “nerds” no México;

5. Não existe um “episódio de despedida” do Chaves. O último episódio como um show independente gravado foi “A Máquina de Lavar” (1980), um episódio como qualquer outro. A partir de então, o programa passou a ser apenas um quadro do programa “Chesperito”. Nesta condição, Bolaños decidiu apenas regravar os episódios antigos, com as mesmas histórias e piadas.

6. Bolaños chegou a ser convidado a fazer um filme do Chaves, mas se recusou porque seria muito difícil manter uma longa história em uma pequena vila, e adicionar outros cenários poderia estragar o intuito do seriado. Mesmo assim, ele produziu um filme chamado “El Chanfle”, com o mesmo elenco.

7. Inclusive, o clássico bordão “Teria sido melhor ter ido ver o filme do Pelé” não existiu no idioma original. Em espanhol, ele fala que queria ter ido ver “El Chanfle”.

8. A Chiquinha, sim, concordou em fazer um filme só dela. O filme se chama “La Chilindrina en Apuros”, e foi ao ar em 1994.

9. Em 1995, Bolaños esqueceu de renovar os direitos da “Chiquinha”, ficando desta forma tais direitos com a atriz. Este é o motivo porque a Chiquinha não aparece no desenho do Chaves.

10. O motivo de toda a turma ter ido para Acapulco foi o porque Emílio Milmo, então dono da rede Televisa, era também o dono do hotel Empório, onde o episódio foi filmado. Até hoje o hotel é visitado por fãs do Chaves.

VEJA TAMBÉM

0 comentários